Ser Doula é uma profissão muito gratificante, mas pode ser muito desafiante se você trabalha só com isso. Veja algumas dicas de marketing para Doulas que podem ajudar a se manter como profissional autônoma!

doulando

Desafios de uma doula iniciante: como conseguir clientes?

Quando comecei como Doula, uma das maiores preocupações era como conseguir clientes para doular. Afinal, doula é uma profissão exigente, que demanda muito psicológica, emocional e fisicamente e está fora de questão pedir que a doula trabalhe de graça, “por amor”. Contudo, a teoria é uma coisa, a prática é outra…

Enquanto não tivesse clientes, minhas próprias “doulandas”, teria de manter um emprego “principal” para pagar as contas. Se tivesse um “emprego principal”, a doulagem seria sempre um caminho secundário. E, pior, era muito difícil conciliar ambos. Afinal, trabalho de parto não tem hora marcada. Não acontece só “fora do horário comercial”, depois do expediente. E várias vezes tive de sair a meio do trabalho para doular. Era insustentável.

Além disso, havia o problema de estar começando, enquanto outras doulas estavam estabelecidas. Tinham nome, tinham seus próprios projetos, já viviam só disso. Eu não podia me dar a esse luxo e, consequentemente, não conseguia ter projetos próprios como doula. Parecia uma bolha impenetrável. MAS NÃO É.

As redes sociais democratizaram o marketing. Você não precisa mais ser uma grande corporação com rios de dinheiro para investir em anúncios de televisão para alcançar milhares de pessoas. A internet abriu uma grande oportunidade para profissionais autônomos, os peixes pequenos, e as Doulas também podem se beneficiar grandemente desse espaço. E é disso que vamos falar hoje.

Aspectos Fisiológicos e Psicológicos na Gravidez - Roda de Gestante - Poços  de Caldas - MG 22/02 | Casa da Doula
Antes da democratização trazida pelas redes sociais, a maioria das doulas e parteiras dependiam do “boca a boca” e dinamizavam rodas de gestantes para poderem divulgar seus serviços e captar novas clientes.

Marketing para Doulas: o que você precisa saber antes de começar

Se você é nova no universo do Marketing, precisamos começar pelas bases. Lá no comecinho. Alguns lembretes que são extremamente importantes antes de começar a preparar sua estratégia:

Você não precisa estar em todo lado

Hoje existem várias redes sociais (Tik Tok, Instagram, Facebook, Twitter, Pinterest…), mas isso não quer dizer que você precisa estar em todas elas. Aliás, estar em todas elas pode ser só uma forma muito ruim de gastar energia e tempo, dispersando esforço que poderia ser mais rentável se canalizado no lugar certo.

As redes têm dinâmicas diferentes. O Instagram é altamente visual; o Twitter é muito sobre o que está acontecendo agora; o Facebook está cada vez mais restrito à publicidade; o Tik Tok é para quem se sente à vontade com vídeos.

É melhor estar numa rede que funciona bem para você, onde você se sente à vontade com a dinâmica e onde consegue alcançar seu público, do que estar em todas e não engajar ninguém.

Não existe receita de bolo

Hoje há muitos profissionais da humanização e do campo “materno” que utilizam o Marketing Digital para atrair clientes. E todos eles utilizam uma estratégia própria.

Você vai encontrar parteiras que apostam todas as fichas no Instagram, produzindo conteúdo todos os dias, fazendo live atrás de live e criando uma comunidade fiel de seguidoras e potenciais clientes à sua volta. Ou doulas que apostam no YouTube para criar conteúdo educativo e se projetarem na área, alcançando gestantes através da demonstração de conhecimento e valor. Ou fisioterapeutas que apostam em blogs e publicidade paga no Facebook.

O fato é: o que funciona para os outros não necessariamente funciona para você. É importante ter em mente a sua capacidade e recursos à disposição: prefere fazer vídeos invés de escrever textos? Tem orçamento para bancar um site e publicidade paga ou é melhor apostar numa estratégia mais econômica no começo?

Tudo isso tem de ser levado em conta. A pergunta mais importante é: onde está o seu público-alvo? É lá que você tem de estar.

Dicas de Marketing Digital para Doulas

Agora que você já sabe que não há um “tamanho único” que sirva a todas e que atirar no escuro para todo lado não é uma estratégia, vamos às dicas práticas para começar.

Registre seu perfil no Google Meu Negócio

O “Google Meu Negócio” é uma ferramenta gratuita do Google que apresenta uma ficha do seu negócio (nesse caso, você mesma e seus serviços de doula) nas pesquisas locais. Ou seja, quando mulheres na sua região procurarem por “doula de parto”, é possível que elas encontrem uma sugestão do Google sugerindo o seu perfil do Google Meu Negócio com informações de contato e dos seus serviços.

Isso é importante porque as pesquisas do Google dão prioridade a resultados mais próximos da pessoa que pesquisa quando detecta que ela está a procurar por um serviço ou produto. E é exatamente isso que você quer: ser encontrada por mulheres que estão perto de você (não em outro estado…).

A melhor parte é que isso é totalmente grátis. Você só precisa se cadastrar com uma conta Gmail, preencher o máximo de informações possíveis, adicionar fotografias (sugiro adicionar, no mínimo, a sua logo, caso tenha uma, e fotos de atendimento) e explicações sobre o seu serviço.

Além disso, pode pedir, depois, que suas doulandas deixem avaliações positivas no seu perfil do Google Meu Negócio. Isso aumentará as possibilidades de seu perfil aparecer em primeiro lugar nas pesquisas e, assim, ser vista por mais mulheres!

Aqui um exemplo de como é o Google Meu Negócio. Quando pesquiso por “Doula em Rio Preto” no Google, essa é a primeira coisa que vejo nos resultados: uma lista de perfis do Google Meu Negócio de doulas que atendem em Rio Preto, com informações de contato e avaliações de clientes. Não sei quem é, mas a Doula Talita Miranda está obviamente fazendo um ótimo trabalho no Marketing de Doula!

marketing digital para doulas

Eis o que apareço quando clico no perfil da Doula Talita Miranda na lista:

doula no google

Participe de grupos de gestantes nas redes sociais e fóruns

Você certamente deve fazer parte de um ou outro grupo no Facebook ou outro fórum qualquer na Internet, como o BabyCenter. Esses grupos são ouro puro para se projetar profissionalmente. Mas estamos falando de participar de forma séria, pró-ativa e profissional, não de qualquer maneira.

Responda as dúvidas das gestantes, tentantes e recém-mães, mostre que você é referência no assunto, que sabe do que está falando, que é uma fonte confiável. Com o tempo, elas naturalmente começaram a vê-la como referência, como uma autoridade no tema. Buscarão sua ajuda e indicarão para quem procurar seus serviços. Isso é trabalhar sua imagem profissional.

Se não existe um grupo de gestantes da sua região, é a oportunidade de ouro criar e dinamizar um e ser a pioneira na área. Lembre-se: um grupo de grávidas é como juntar uma multidão de potenciais clientes com quem você pode conversar a qualquer momento. Isso é a pedra de Rosetta do marketing.

Aprenda os fundamentos do Marketing Digital

Oh sim, você é doula porque ama o que faz e quer fazer o que ama. Todas nós estivemos aí. Mas você também é uma profissional e uma pessoa que precisa pagar as contas. Por isso, não trate a sua profissão como um passatempo. Esqueça o amadorismo. Investir na sua profissão é investir em você e ajudará a fazer ainda melhor o seu trabalho.

Hoje existem muitos cursos grátis na Internet – em vídeo, áudio, acessíveis e dinâmicos – ensinando Marketing Digital. Eu aprendi Marketing Digital estudando por conta própria e hoje sou uma especialista numa área muito específica do Marketing. Se eu posso, você também pode.

Aqui algumas ideias de por onde começar:

  • Marketing Digital – Curso gratuito do Google
    Esse é um curso gratuito em marketing online voltado para iniciantes e pequenos empreendedores. A formação foi patrocinada e fomentada pelo Google e possui formadores brasileiros e portugueses muito conhecidos no meio.
  • Estratégia de Marketing Digital – Universidade de São Paulo (Coursera)
    Curso oferecido pela USP, já fiz e recomendo. O Coursera cobra um valor mensal se você quiser receber um certificado ao final do curso. Entretanto, é possível se inscrever como ouvinte de forma gratuita e, assim, ter acesso a todo o conteúdo (exceto avaliações valendo nota e certificado).
  • Curso de Marketing Digital do Canal Curso em Vídeo (Youtube)
    Esse é um curso completo disponibilizado no canal Curso em Vídeo, portanto inteiramente gratuito. As aulas estão organizadas numa playlist e são um total de 31 aulas, cobrindo desde o Processo do Marketing Digital até o Marketing de Conteúdos e automações.

Escalando seu modelo de negócio como Doula

Já disse e volto a repetir: se ser Doula é a sua profissão e você é uma profissional autônoma, você precisa levar a sério e entender que esse é o seu negócio. Isso significa que você não pode encarar como OK ter uma doulanda por mês e viver para receber o mínimo.

A internet pode trazer muita visibilidade e, consequentemente, demandas profissionais. Por isso, falar em um negócio sustentável não é falar só de ter renda todo mês. É também falar de conseguir escalar o que você faz e quanto ganha sem ver sua vida comprometida por isso. E não se sinta mal por pensar nisso, afinal, em qualquer outra profissão, QUALQUER PESSOA também pensaria na progressão de carreira e salarial. Você também deveria.

Mas como uma doula escala e progride na sua profissão? Você pode:

  1. Fazer cursos e formações para ampliar seu leque de técnicas: isso aumenta seu portfólio e seu “arsenal” de atendimento, o que agrega valor ao seu trabalho. Algumas sugestões são: rebozo, aromaterapia, massoterapia, aprender a fazer shantala para bebês, aprender técnicas para ajudar no pós-parto.
  2. Aumentar suas especialidades: quando conseguir se estabelecer como Doula de Parto, pense em ampliar também sua atuação como, talvez, Doula de Pós-parto, o que permitirá oferecer serviços por um tempo mais prolongado, com contratos maiores. Ou, outra alternativa muito comum entre doulas, faça um treinamento para atuar como Consultora de Aleitamento Materno.
  3. Junte-se a outras doulas: vale o velho ditado: sozinha vamos mais rápido, mas juntas vamos mais longes. Muitas doulas começam sozinhas e acabam por formar coletivos ou associações junto de outras doulas. Isso não só permite ampliar a oferta de serviços e a captação de clientes, como também, talvez sobretudo, oferece mais segurança às gestantes, pois elas saberão que terão sempre uma “doula backup” caso aconteça um incidente.

Este conteúdo foi útil para você? Então compartilhe com outras doulas e vamos juntas!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.